A Secretaria de Educação da Prefeitura de Nova Odessa deu continuidade, no Teatro Municipal Divair Moreira, no Jardim das Palmeiras, ao ciclo de palestras para profissionais da Rede Municipal sobre os TEAs (Transtornos do Espectro Autista), ou simplesmente autismo. Foram promovidas dias 19 e 20 de abril mais quatro palestras, duas por dia, nos períodos da manhã e da tarde.

Na terça-feira, o público-alvo foram os diretores, coordenadores e professores de EMEIs (Escolas Municipais de Educação Infantil) da Rede Municipal, ou seja, das unidades que oferecem turmas de Pré-Escola. O tema do dia foi “Ressignificando as formas de ensinar e aprender”. Na quarta-feira foi a vez dos educadores de creches, diretores e coordenadores pedagógicos, e o tema abordado foi “O desenvolvimento infantil”.

Os encontros foram parte da série realizada pela pasta entre os meses de março e abril, buscando conscientizar todos os profissionais da Rede. O primeiro encontro aconteceu no dia 08/03, na EMEF (Escola Municipal de Ensino Fundamental) Professora Almerinda Delega Dalben, no Parque Residencial Klavin, com os professores de Arte.

O segundo encontro ocorreu no dia 15/03, também na EMEF Almerinda, mas com os professores de Educação Física. O terceiro encontro foi realizado no dia 11/04 com a equipe pedagógica da EMEFEI Professora Haldrey Michelle Bueno, do Jardim São Manoel.

Os encontros marcados originalmente para o dia 08/04, envolvendo diretores, coordenadores pedagógicos, professores de Atendimento Educacional Especializado e psicopedagogas da Rede Municipal de Educação da Rede Municipal, foram remarcados para o próximo dia 06/05. Para as educadoras de creche, haverá um encontro no dia 11/05 sobre autismo. E ainda devem ser realizados encontros sobre o tema com as educadoras do Ensino Fundamental 1 da Rede Municipal de Nova Odessa.

ENTENDA

Segundo o secretário municipal de Educação, José Jorge Teixeira, essa série de debates sobre o tema passou a ser ainda mais importante neste ano, porque, com o retorno das aulas presenciais após o período de ensino remoto durante o lockdown causado pela pandemia de Covid-19 (e seus impactos econômicos), o número de alunos com TEAs aumentou na Rede Municipal.

De cerca de 80 alunos até antes da pandemia, atualmente são cerca de 110 alunos com esta e outras condições especiais (como síndrome de Down, TDHA e demais deficiências) sendo atendidos gratuitamente pelo Município, além de 30 alunos em processo de investigação e fechamento de diagnóstico.

Estas medidas também seguem os princípios da Política Integrada Pela Primeira Infância, uma lei municipal construída a seis mãos pelos Poderes Executivo, Judiciário e Legislativo e sancionada pelo prefeito Cláudio José Schooder, o Leitinho, no final do ano passado. A lei nasceu do trabalho desenvolvido pela juíza da 2ª Vara de Nova Odessa, Michelli Vieira do Lago Ruesta Changman – idealizou o Projeto AFIN “Afeto na Infância – Você afinado com seu filho”.

Atualmente, a Rede Municipal de Ensino de Nova Odessa possui 25 unidades, entre creches, pré-escolas e escolas de Ensino Fundamental I, e conta com 55 diretores e especialistas, 400 professores, 200 integrantes nas equipes de apoio, atendendo atende cerca de 5,6 mil alunos.

Espalhe por aí:
https://www.portalagenda7.com.br/wp-content/uploads/2022/04/Educacao-PMNO-palestras-sobre-autismo-no-Teatro-2022-04-20-1-1024x768.jpeghttps://www.portalagenda7.com.br/wp-content/uploads/2022/04/Educacao-PMNO-palestras-sobre-autismo-no-Teatro-2022-04-20-1-150x150.jpegRedação Agenda 7DestaquesRegiãoA Secretaria de Educação da Prefeitura de Nova Odessa deu continuidade, no Teatro Municipal Divair Moreira, no Jardim das Palmeiras, ao ciclo de palestras para profissionais da Rede Municipal sobre os TEAs (Transtornos do Espectro Autista), ou simplesmente autismo. Foram promovidas dias 19 e 20 de abril mais quatro...Notícias de Sumaré e Região de Campinas-SP