DivulgaçãoEm breve, Hortolândia terá mais árvores para melhorar a qualidade de vida dos moradores. A prefeitura inicia duas ações prioritárias na área ambiental: a elaboração do plano de arborização urbana e o levantamento das nascentes do município. A ordem de serviço para os dois projetos foi dada na reunião online, ontem, 2/3, realizada pelo banco internacional CAF (Corporação Andina de Fomento) com a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, com a participação de representantes da empresa Planos Engenharia, que foi contratada pela Prefeitura para a execução dos projetos.

Os dois projetos são realizados por meio do Termo de Cooperação Técnica firmado pela Prefeitura e a CAF. De acordo com o termo, os projetos são a contrapartida da Prefeitura para os empréstimos obtidos junto ao banco para a realização de obras e intervenções em infraestrutura e mobilidade urbana na cidade.

“O objetivo da reunião foi a CAF apresentar a empresa Planos Engenharia, que foi contratada para a elaboração do plano de arborização urbana e o inventário das nascentes do município, e estabelecer os procedimentos para a apresentação dos dois projetos. Estes estudos visam proteger a biodiversidade e os serviços ecossistêmicos da água, proporcionando qualidade de vida para a população e o equilíbrio ambiental do município”, destaca a secretária adjunta de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Eliane Nascimento Oliveira.

Por meio do plano, a secretária adjunta ressalta que o município pretende mapear quais as regiões que estão com déficit de arborização urbana e fazer um levantamento das espécies existentes na cidade. “O plano será uma ferramenta de gestão de suma importância na área ambiental para definir o planejamento e a gestão da arborização no município. A partir dele, visamos o aumento da cobertura vegetal e minimizar os impactos causados pelas mudanças climáticas, a qualificação da paisagem, bem como a satisfação da população, por meio de ações participativas”, destaca Eliane.

Já o inventário das nascentes visa a atualização da quantidade de cursos de água e a preservação dos recursos hídricos do município. De acordo com levantamento feito em 2010 pela Secretaria Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, o município possuía 235 nascentes. “O levantamento das nascentes proporcionará a identificação e a situação de cada uma delas. Os dois projetos, ainda, contribuirão para a implementação das ações de Cidade Inteligente e Sustentável e para que o município alcance os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS)”, salienta Eliane.

Espalhe por ai:
https://www.portalagenda7.com.br/wp-content/uploads/2021/03/LAGOA-PARQUE-SOCIOAMBIENTAL-DOROTHY-STANG-1024x682.jpghttps://www.portalagenda7.com.br/wp-content/uploads/2021/03/LAGOA-PARQUE-SOCIOAMBIENTAL-DOROTHY-STANG-150x150.jpgRedação Agenda 7DestaquesRegiãoEm breve, Hortolândia terá mais árvores para melhorar a qualidade de vida dos moradores. A prefeitura inicia duas ações prioritárias na área ambiental: a elaboração do plano de arborização urbana e o levantamento das nascentes do município. A ordem de serviço para os dois projetos foi dada na reunião...Portal de notícias de Sumaré e Região de Campinas-SP