A taxa de desocupação (14,7%) do trimestre móvel de fevereiro a abril de 2021 se manteve no recorde da série histórica, iniciada em 2012, com alta de 0,5 ponto percentual  frente ao trimestre de novembro de 2020 a janeiro de 2021 (14,2%) e alta de 2,1 ponto percentual ante o mesmo trimestre de 2020.

A população desocupada (14,8 milhões de pessoas) cresceu 3,4% (mais 489 mil pessoas desocupadas) ante o trimestre de novembro de 2020 a janeiro de 2021 e subiu 15,2% (mais 1,9 milhão de pessoas) frente ao mesmo trimestre móvel do ano anterior (12,8 milhões de pessoas). Os dados foram divulgados nesta quarta-feira, 30, pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). 

A população ocupada (85,9 milhões de pessoas) ficou estável em relação ao trimestre móvel anterior e caiu 3,7% (menos 3,3 milhões de pessoas) frente ao mesmo trimestre de 2020.

O nível da ocupação (percentual de pessoas ocupadas na população em idade de trabalhar) chegou a 48,5%, apresentando estabilidade frente ao trimestre móvel de novembro de 2020 a janeiro de 2021 (48,7%) e recuando 3,1 p.p. em relação a igual trimestre de 2020 (51,6%).

A taxa composta de subutilização (29,7%) subiu 0,7 p.p. frente ao trimestre móvel anterior (29,0%) e subiu 4,1 p.p. frente ao mesmo trimestre de 2020 (25,6%).

A população subutilizada (33,3 milhões de pessoas) cresceu nas duas comparações: 2,7% (mais 872 mil subutilizados) frente ao trimestre móvel anterior e 16,0% (mais 4,6 milhões de pessoas) em relação ao mesmo trimestre de 2020.

Espalhe por aí:
https://www.portalagenda7.com.br/wp-content/uploads/2020/11/carteira-de-trabalho.jpghttps://www.portalagenda7.com.br/wp-content/uploads/2020/11/carteira-de-trabalho-150x150.jpgRedação Agenda 7Brasil e MundoDestaquesA taxa de desocupação (14,7%) do trimestre móvel de fevereiro a abril de 2021 se manteve no recorde da série histórica, iniciada em 2012, com alta de 0,5 ponto percentual  frente ao trimestre de novembro de 2020 a janeiro de 2021 (14,2%) e alta de 2,1 ponto percentual ante o...Portal de notícias de Sumaré e Região de Campinas-SP